Twitter será “sandbox” de soluções Web3, diz executivo da Binance - InfoMoney

Twitter será “sandbox” de soluções Web3, diz executivo da Binance  InfoMoney

Twitter será “sandbox” de soluções Web3, diz executivo da Binance - InfoMoney

A exchange de criptomoedas Binance investiu US$ 500 milhões junto com Elon Musk para aquisição do Twitter na esperança de usar a plataforma como um “sandbox” de Web3, afirmou o na terça feira (2) o diretor de estratégia da exchange, Patrick Hillman.

“Vemos isso como uma enorme oportunidade histórica para pesquisa e desenvolvimento”, disse Hillman ontem ao CoinDesk. “[É] uma chance de pegar uma plataforma Web2 de prestígio e usá la como uma sandbox para começar a resolver alguns dos desafios que vimos se tornarem a síntese da Web2”.

Hillman disse que a maior exchange cripto do mundo em volume negociado está procurando ser um “parceiro crítico” no crescimento e inovação do Twitter e se voltará para “soluções Web3” para resolver alguns dos desafios da plataforma, incluindo o uso de NFTs para autenticação do usuário e o possível uso do microblog como sistema de pagamentos para “microtransações”.

A Web3 (ou Web 3.0) se refere a uma nova era da Internet mais descentralizada, menos dependente de big techs e capaz de dar aos usuários o controle sobre seus próprios dados, pensada sob o conceito de código aberto, sem intermediários e integrada a serviços financeiros de nova geração com dinheiro eletrônico não controlado pelo Estado – como o Bitcoin (BTC).

Além de comandar a Tesla e a SpaceX, Musk é um dos cofundadores da gigante de pagamentos PayPal, por meio de uma empresa antecessora.

A estratégia de pagamento pode ser usada como uma maneira de afastar os bots, disse Hillman, fazendo com que “o usuário médio possa arcar com o custo” e tornando “extraordinariamente caro” para os bots serem capazes de sustentar sua atividade.

A questão dos bots vai “bem além das pessoas que tentam promover criptomoedas”, disse Hillman, em referência a um problema comum no Twitter ao falar sobre ativos digitais – rapidamente, surgem robôs programados para falar de criptos obscuras.

Diante disso, disse o executivo da Binance, os bots azedaram a capacidade da comunidade cripto de usar o Twitter como um lugar para falar livremente.

“Ser capaz de atacar e resolver esse problema dos bots será fundamental para reabrir um diálogo saudável sobre criptomoedas”, disse Hillman, acrescentando que outros problemas, incluindo esquemas de pump & dump (em que uma moeda é promovida e tem seu preço inflado até que os criadores despejem tudo no mercado e deixem investidores na mão), também precisariam ser resolvidos.

O InfoMoney preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

IMPORTANTE O portal www.infomoney.com.br (o Portal ) é de propriedade da Infostocks Informações e Sistemas Ltda. (CNPJ MF nº 03.082.929 0001 03) ( Infostocks ), sociedades controladas, indiretamente, pela XP Controle Participações S A (CNPJ MF nº 09.163.677 0001 15), sociedade holding que controla, dentre outras sociedades, a XP Investimentos Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários S A (CNPJ MF nº 02.332.886 0001 04) ( XP CCTVM ) e a XP Gestão de Recursos Ltda. (CNPJ MF nº 07.625.200 0001 89) ( XP Gestão ). Apesar de as Sociedades XP estarem sob controle comum, os executivos responsáveis pela Infostocks são independentes e as notícias, matérias e opiniões veiculadas no Portal não são, sob qualquer aspecto, direcionadas e ou influenciadas por relatórios de análise produzidos por áreas técnicas da XP CCTVM e ou da XP Gestão, nem por decisões comerciais e de negócio de tais sociedades, sendo produzidos de acordo com o juízo de valor e as convicções próprias da equipe interna da Infostocks.



Via Google News